segunda-feira, dezembro 05, 2011


Juventude Franciscana do Brasil realiza 2ª edição de Jornada pelos Direitos Humanos

Entre os dias 01 e 10 de dezembro de 2011 a Juventude Franciscana (JUFRA) do Brasil estará realizando a 2ª Jornada Franciscana Nacional pelos Direitos Humanos. A Jornada é coordenada pelas Subsecretarias Nacional, Regionais e Locais de Direitos Humanos, Justiça, Paz e Integridade da Criação (DHJUPIC) da JUFRA, e ocorre na primeira semana de dezembro, culminado com o Dia Universal dos Direitos Humanos (10/12).

Na Jornada de 2011, a JUFRA do Brasil tem como objetivo geral: Proporcionar a construção de estratégias de atuação, a partir dos desafios da realidade local, a fim de capacitar lideranças juvenis, estimulando o potencial criativo e multiplicador, visando provocar mudanças na realidade das comunidades locais, na perspectiva da Justiça Sócio-Ambiental.

Retomando as reflexões da Campanha da Fraternidade-2011, a Jornada tem como tema: “Juventude e Justiça Sócio-Ambiental” e como lema: “Quanto vale esse progre$$o?”. Sendo assim, possui como objetivos específicos: 1) Contribuir para a informação dos/as jovens sobre as causas e conseqüências do aquecimento global e das mudanças climáticas; 2) Promover a articulação entre realidade sócio-ambiental local e global, visando o empoderamento juvenil para uma ação ética, social e política permanente e articulada; e 3) Possibilitar o debate e a participação das Fraternidades locais nos processos da Conferência da ONU para o Desenvolvimento Sustentável-2012 e da Cúpula dos Povos da Rio+20 por Justiça Social e Ambiental.

As atividades serão divulgadas nos blogs nacionais e regionais da JUFRA, com evidência no Site Nacional da JUFRA do Brasil: www.jufrabrasil.org e no Blog da Subsecretaria Nacional de DHJUPIC: www.dhjupic.blogspot.com , onde constarão fotos e relatos das atividades realizadas.

A JUFRA do Brasil entende que suas Fraternidades devem ser cada vez mais franciscanas, vivas, jovens e chamadas à missão, à evangelização e à transformação, e por isso quer viver o Evangelho a partir de atitudes corajosas que promovam a Paz e o Bem.


terça-feira, outubro 04, 2011

Dia 04 de outubro - Dia do Pai Seráfico São Francisco de Assis




Francisco é para nós Jufristas exemplo de determinação, fé e devoção. Não há melhor exemplo a seguir a não ser o que Jesus nos deixou. E esse exemplo Francisco a
garrou com todas as suas forças, fazendo de si, um espelho daquele que tanto nos amou e deu a vida por nós.
Desta forma, nesse dia, todas as homenagens ao nosso Pai Seráfico são pequenas diante da grandeza que é para nós a sua vivência neste mundo como ser devoto e temente a Deus.



Oração de São Francisco

Senhor: Fazei de mim instrumento de vossa Paz.
Onde houver ódio, que eu leve o Amor.
Onde houver ofensa, que eu leve o Perdão.
Onde houver discórdia, que eu leve a União.
Onde houver dúvida, que eu leve a Fé.
Onde houver erro, que eu leve a Verdade.
Onde houver desespero, que eu leve a Esperança.
Onde houver trevas, que eu leve a Luz!
Onde houver tristeza, que eu leve a Alegria.
Ó Mestre...
Consolar, que ser consolado;Fazei que eu procure mais:
Compreender, que ser compreendido;
Amar, que ser amado.
Pois é dando, que se recebe.
É perdoando, que se é perdoado.
E é morrendo, que se vive para a Vida Eterna!

Amém

Que nesta data tão especial, todos se sintam abraçados pelo amor de Francisco, que com seu exemplo nos cativou e nos dá forças para continuarmos em nossa missão de Fé.

Paz e Bem


Edilson Laurentino dos Santos
Secretário Fraterno Regional NE A3 PB/RN
edilsonlaurentino@hotmail.com
Postagem extraida de: http://regionalpbrn.blogspot.com/

sábado, setembro 10, 2011

17º Grito dos/as Excluídos/as‏



No dia 7 de Setembro de 2011, a Fraternidade Espírito Santo da JUFRA de Mossoró-RN, Participou da 17ª edição do Grito dos Excluídos, cujo lema é "Pela vida grita a terra... por direitos todos nós". A fraternidade participou juntamente com o desfile da independência da cidade, a caminhada começou as 07h00min da manhã, onde foi um momento único para a reflexão e ação em torno dos problemas sociais.


Realizado desde 1995, o Grito dos Excluídos teve origem no então Setor Pastoral Social da CNBB, cujo presidente na época, era o bispo de Jales (SP), dom Luiz Demétrio Valentini. Para ele, os 17 anos de realização do Grito mostram sua força e modelo eficiente para propor discussões em torno dos problemas sociais do país. O bispo elenca algumas das bases que sustentam a mobilização por tantos anos.

“Sua ligação com a temática tratada pela Campanha da Fraternidade a cada ano, depois a vinculação com a CNBB, a convocação para o dia da pátria, da Independência; o resgate de valores da cidadania” sublinhou. Tem contribuído também para o crescimento do Grito as reflexões sobre temas essenciais para a vida da democracia brasileira.
“A cada ano somos levados a refletir sobre os gritos que se levantam e que precisam ser ouvidos; somos chamados a dar respostas conscientes para a nossa pátria, como em relação às drogas e à juventude que é traiçoeiramente envolvida por ela, tendo em vista que a população brasileira corre perigo; o grito muito forte contra a corrupção política, que se estende por tanto tempo e, em relação à natureza, que precisa ser cuidada”, enumerou.
O membro da coordenação nacional do Grito dos Excluídos, Ari Alberti, destaca que o Grito tem um papel muito forte de conscientização e envolvimento da população brasileira. “É uma forma de dizer que não queremos apenas ver no dia da pátria, passivamente, o desfile de soldados e armas de guerra, mas queremos participar e exigir os nossos direitos e uma sociedade igual para todos”.
“O Grito dos Excluídos é hoje uma realidade nacional e acontece em todos os estados, além de receber adesão de novas cidades todos os anos. É um processo de construção coletiva que não se esgota no evento, mas há um antes, um durante e um depois com consequências para a vida das pessoas”

Fonte: CNBB

Anna Kézia Soares de Oliveira - Subsecretária de Direitos Humanos Justiça, Paz e Integridade da Criação - Juventude Franciscana - Fraternidade Espírito Santo - Regional NE A3 - Paz e Bem

sexta-feira, setembro 02, 2011

Bíblia: Carta de Amor de Deus para a Humanidade


Tua palavra é lâmpada para os meus pés e luz para o meu caminho (Sl 119, 105)

Tradicionalmente o mês de setembro nos reporta a uma reflexão maior sobre a importância da Sagrada Escritura para a vida de todos os cristãos e, consequentemente, para a vida de toda a Igreja, reconhecendo na mesma um dos meios privilegiados através do qual Deus rompe os silêncios eternos para se comunicar com os seus filhos, sobretudo através do seu Verbo Encarnado, revelando o homem a si mesmo e fazendo-lhe descobrir a sua vocação sublime (Cf. Gaudium et spes 22).
As novas diretrizes gerais da ação evangelizadora da Igreja do Brasil para os anos de 2011 a 2015, no capítulo III, ao falar das urgências na ação evangelizadora, no terceiro item, faz uma bonita reflexão sobre a Igreja como lugar da animação bíblica da vida e da pastoral, à luz do documento de Aparecida e da exortação apostólica pós-Sinodal Verbum Domini, recordando a força propulsora da Palavra de Deus na vida do discípulo missionário, ajudando-o a atravessar este período histórico de pluralismo e de grandes incertezas, pois o mundo fala, mas tem sede da Palavra que guia, tranquiliza, impulsiona, envolve, ajuda a discernir (Cf. DGAE 47-48).
É sabido que todas as pessoas são destinatárias da Palavra de Deus, mas desejamos ardentemente que, sobretudo, os jovens cresçam no amor, no acolhimento, na escuta atenta e na adesão à Palavra de Deus para que saibam escutar a voz de Cristo em meio a tantas outras vozes, como foram tão incentivados na preparação para a Jornada Mundial da Juventude, principalmente na orientação para a leitura orante da Palavra de Deus e exortados, sobremaneira, pelo Papa e pelos bispos que fizeram as catequeses em Madri, para que eles se sentissem impulsionados, conclamados a levar esta Palavra para os jovens de suas comunidades, seus ambientes de convívio, estudo, trabalho e lazer.


Dom Mariano Manzana
Bispo Diocesano
 
Postagem extraida de: Blog da Diocese de Mossoró

Dia da Animação Vocacional.


No dia 27 do mês de Agosto, mês vocacional, a fraternidade Espírito Santo, em comunhão com a JUFRA do Brasil, teve a honra de realizar o seu dia da Animação Vocacional. Este dia faz parte da semana que foi de 21 a 27 de Agosto. Essa semana, idealizada pela Subsecretaria Nacional de Ação Evangelizadora, traz a proposta de despertar o carisma franciscano nos jovens que ainda não o conhecem.


domingo, agosto 14, 2011

Depoimento de Jovens da Diocese de Mossoró que participarão da Jornada Mundial da Juventude 2011




Para mim, enquanto jovem católico, convicto da minha fé e consequentemente da minha religião, a JMJ representa o anseio de uma juventude que, unida, quer buscar a paz e contribuir para que os jovens possam ter sua própria identidade baseada nos princípios de Cristo”
Thomas Magnum, 27 anos - Paróquia Nossa Senhora da Conceição – Areia Branca/RN

“Este evento é bem significativo no fortalecimento da fé e da motivação da caminhada. O próprio tema, "Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé" (Col 2, 7), nos mostra como devemos ser em nossa caminhada. Todos os jovens que terão a oportunidade de participar desse evento terão a oportunidade de se encher da graça, das experiências e da beleza. Isso tudo somado às catequeses nos fortificará e fará com que resplandeçamos a Luz de Cristo em toda a nossa juventude”
Muhammed Hochay, 19 anos - Paróquia Nossa Senhora de Fátima- Mossoró/ RN


"Significa amar cada vez mais a Deus e me entregar ao serviço do Senhor e atender ao chamado dele para com os mais necessitados de espiríto. É uma oportunidade única na minha vida como cristã, com a qual eu vou adquirir conhecimentos e experiências que vão servir para o resto de minha vida como pessoa cristã e como cidadã".
Luiza Ambrozina, 16 anos, representa a Paróquia de Campo Grande Sant´ana

"Significa dizer: Aqui estou Senhor! Um jovem que busca seu auxilio e deseja ser verdadeiramente exemplo e que a Jornada Mundial da Juventude nos fortaleça para que, ao chegar em nossa paróquia, possamos realizar um bom trabalho em favor do reino de DEUS com a juventude atuante.
Serginho, 25 anos, representa a Paróquia de Itaú



Dom Mariano preside Missa de envio dos jovens da Diocese de Mossoró que participarão da Jornada no dia 15, às 10h, na Capela de Santa Teresinha, praça dos Hospitais. ( Transmissão da Rádio Rural de Mossoró)



Confira a matéria na íntegra aqui.

MAIS DE QUARENTA PESSOAS DA DIOCESE DE MOSSORÓ PARTICIPAM DA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE


Quarenta e cinco pessoas da Diocese de Mossoró estarão em Madri , na Espanha, de 16 a 21 de agosto, participando da Jornada Mundial da Juventude 2011 com a presença do Papa Bento XVI. A jornada reúne milhares de jovens do mundo todo para celebrar e aprender sobre a fé católica e para construir pontes de amizade e esperança entre os continentes, povos e culturas.
Segundo Coordenador do Setor de Juventude Pe Augusto Livio, desde o ano passado que esses jovens vem se reunindo em preparação para esse grande evento da Igreja Católica. “Todos irão levar um pouco da Diocese e de suas paróquias para a jornada”, afirma padre Augusto.
A saída do grupo de Mossoró ocorre no dia 15 de agosto em direção à Natal. De lá partem para Madrid com escala em Lisboa. O bispo Diocesano, Dom Mariano Manzana, também participa da Jornada Mundial da Juventude. Dom Mariano preside Missa de envio dos jovens da Diocese de Mossoró que participarão da Jornada no dia 15, às 10h, na Capela de Santa Teresinha, praça dos Hospitais.

Relação de Jovens e suas paróquias que estarão na Jornada Mundial

Ana Paula Dantas..........................N. Sra. Da Conceição
Anderson Felipe Rodrigues de Avelino.....Beata Lindalva
Antonio Emerson de Oliveira Lima.......São Manoel
Carla Jordânia de Albuquerque Costa.....Grossos
Edjailson Rodrigues Ferreira................Umarizal
Edmiray Bezerra da Nóbrega................São José
Edson Carlos Souza.................................Martins
Elder Fernandes do Rego..........................Encanto
Everton de Lima Macedo.................Menino Jesus de Praga
Flávio Emanuel da Silva....................Alminio Afonso
Francisco Fabiano de Brito.............Santa Luzia
Francisco Sérgio de Oliveira Silva......... Itaú
Genival C. dos Santos Júnior....................Patu
Gustavo Henrique de Sá Honorato.........Baraúna
Irecione Carlos de Oliveira...................Luis Gomes
Jeremias Souza Rebouças......................Areia Branca
José Sérgio de Souza...............................Alexandria
Josimeire Alvez Fernandes........................São Paulo
Júlio César Fernandes Marques.................Caraúbas
Lidiane Morais de Souza..........................Apodi
Luciana Dornelys de Oliveira Costa..........Upanema
Luiza Ambrosina da Silva.............Campo Grande (Paraú)
Maria Diane de Lima............................Marcelino Vieira
Maria Nadiégina da Silva.....................São Miguel
Mízia Emanuella Mendes Veras...............N. Sra. De Fátima
Ranieri Fernando Rodrigues de Oliveira.......São João Batista
Reginaldo Claudino da Silva................Governador Dix Sept Rosado
Simone Martins Aquilino....................Portalegre
Thomas Magnum Lourrenço de Souza..........Areia Branca
Tiago Fernando de Queiroz.............................Assú


Texto publicado no blog da Diocese de Mossoró
Link da Matéria. Clique Aqui

terça-feira, agosto 09, 2011

Visitando as Clarissas


No dia 06 de Agosto, dia da Ascensão do Senhor, a nossa fraternidade realizou uma visita ao Mosteiro Fraternidade São Francisco de Assis localizado em nossa cidade. Neste mosteiro tivemos contato com as nossas irmãs Clarissas, da Ordem de Santa Clara.

Foi um momento de muita alegria, paz e tranquil
idade, onde tivemos contato com um outro seguimento do carisma “francisclariano”. As irmãs Clarissas nos receberam com uma imensa alegria, cantamos juntos e trocamos relatos de experiências vividas. Para muitos dos nossos irmão e irmãs, foi a primeira vez que visitaram o mosteiro, mas concerteza tivemos o prazer de ver a felicidade e a alegria nos olhos de cada um deles.

Para finalizar a nossa visita ao Mosteiro, rezamos a oração das Vésperas junto com as irmãs e logo em seguida a nossa fraternidade realizou um momento de partilha do alimento, onde as irmãs também ofereceram uma parte do alimento para partilhar conosco. Depois que visitamos o mosteiro, nos dirigimos para a Igreja do Santuário de Santa Clara e lá participamos da noite de novena em honra a Santa Clara, comemorando também o jubileu de 800 anos da fundação da Ordem de Santa Clara. A noite de novena teve seu auge na exposição e benção do Santíssimo Sacramento, feita pelo Pe. Sátiro, idealizador e reitor do Santuário de Santa Clara.











quinta-feira, julho 21, 2011

Pequeno retrato de Francisco de Assis

Por Frei Almir R. Guimarães, OFM




Vivia na cidade de Assis, na região do Vale de Espoleto, um homem chamado Francisco. (1Celano 1)


Todo mundo conhece Francisco de Assis. Ele é patrimônio da humanidade. Esse Francisco, originário da cidade de Assis, esse italiano natural da verdejante região da Úmbria experimentara no peito a ânsia das coisas grandes e foi se tornando o Irmão Francisco. Não havia nascido para a mesmice e a mediocridade, para a banalidade e a rotina. Tudo nele se revestia do novo e da novidade.

Tomás de Celano, contemporâneo de Francisco, depois da morte do santo ficou encarregado de escrever uma biografia do Pai. É ele, pois, que nos pinta um quadro com os traços de Francisco do mundo inteiro.


quarta-feira, julho 06, 2011

Queridos irmãos e irmãs,



Boa tarde,que a paz e o bem esteja sempre presente na vida de vocês,

Venho orgulhosamente,colocar a disposição o link da entrevista que fomos linsorjeados a dar para diviguar o que é a JuFra,o que faz,falando sobre os ideais,as reais diferença entre um grupo de jovens e uma fraternidade.

A entrevista com os nossos irmãos,Muhammed Hochay - Sub. Sec. de Ação Evangelizadora,Jarleny de Souza - Sec. Fraterna e Anna Kézia - Sub. Sec. de Direitos Humanos,Justiça,Paz e Integridade da Criação,que diga-se de passagem nos representaram muito bem,está a disposição no seguinte endereço .






Que o senhor vos abençoe e vos guarde,


Que o senhor vos mostre a sua face e compadeça de vós

Que o senhor volva seu rosto para a glória e vos dê a paz,

O senhor vos abençoe,amém !



Tércia Morgana de Souza -Sub.Sec. de Arquivo e Comunicação


Abraços fraternos e paz e bem .

terça-feira, junho 21, 2011

Nota da CNBB sobre o Código Florestal


Sexta-feira, 17 de junho de 2011 - 16h57min


“Eis que vos dou toda a terra, todas as plantas que dão semente e todas as árvores que produzem seu fruto com sua semente, para vos servirem de alimento” (Gênesis 1,29).



O Conselho Permanente da CNBB, reunido em Brasília, de 15 a 17 de junho de 2011, tomou conhecimento do atual estágio da discussão do Código Florestal no Congresso Nacional, atualmente tramitando no Senado, após votação na Câmara dos Deputados.


Estamos conscientes da grande importância de um Código Florestal no Brasil, porque nosso País tem possibilidades de oferecer alternativas à crise civilizacional ancorada, sobretudo, na crise climática.

Nossa preocupação maior está no impacto e nas consequências de uma lei deste porte na vida das pessoas e no meio ambiente, que sacrificam a realidade da ecologia física e humana ao influenciar na dinâmica social e cultural da sociedade.

A ecologia se tornou, na segunda década do século XXI, um dos “sinais dos tempos” mais significativos para a sobrevivência da humanidade. Não por acaso, vivemos o Ano Internacional das Florestas, participamos recentemente da Campanha da Fraternidade sobre a Vida no Planeta que colocou em discussão a gravidade da crise ecológica às vésperas da Conferência Rio+20.


sábado, maio 07, 2011

Minha homenagem as mães em especial,a MINHA .


Mãe!
Atuamos juntos na cena do parto
sem cobrar diária, seu ventre foi quarto
de hotel cinco estrelas, pra conforto meu
Mãe!
Sagrada pessoa, que só nos agrada
eu lhe dando o mundo, não seria nada
comparando a tudo que você me deu.Mãe!Na graça ou desgraça, sorrindo ou chorando
no luxo ou na lama, perdendo ou ganhando
você me dá força, confiança e fé
Mãe!
Quando eu entro em crise, ou caio doente
todo mundo foge, você presente
me estendendo os braços, pra me ver de péMãe!
Reserva de paz, fonte de energia
personagem impar, luz de estrela guia
alicerce humano, 100% forte
Mãe!
Rainha sem trono, guerreira sem farda
mulher com status, de anjo da guarda
Santa duas vezes, na vida e na morte.

Mãe - Os Nonatos


Mãe, Anjo divino

Mãe, anjo divino

Que tudo sabe

Que tudo vê

Que tudo sente

Que tudo ouve

Mãe, anjo divino

Que perdoa

Que sorri

Que chora
Que brinca

Mãe, anjo divino

Que abraça

Que afaga

Que protege

Que guarda


 
Mãe, anjo divino


 
Criado por Deus

Enviado por Ele





O único anjo que Ele nos deu a chance de conhecer..


 
Feliz Dia das Mães



segunda-feira, maio 02, 2011

Carta Convite XVIII ENCONJUFRA do Rio Grande do Norte.




JUVENTUDE FRANCISCANA DO BRASIL
Fraternidade Mensageiros de Paz e Bem
Regional NE A3 PB/RN - 5º Distrito
Ceará Mirim-RN

Ceará mirim-RN, 05 de Abril de 2011


Queridos (as) irmãos (as), PAZ E BEM!

A JUFRA comemora uma data muito especial em 2011, seus 40 anos de presença atuante no nosso país, com o ideal franciscano de vida ao modo jovem de seguir a Jesus Cristo a exemplo de Francisco e Clara de Assis. Em consonância com toda a JUFRA do Brasil o Regional NE A3 irá comemorar os 40 anos da presença da JUFRA no Brasil, no nosso XVIII ENCONJUFRA do Rio Grande do Norte.

Desta maneira, a Fraternidade Mensageiros de Paz e Bem tem o prazer de sediar o XVIII ENCONJUFRA do Rio Grande do Norte. Que será realizado de 13 a 15 de maio deste ano e que tem por tema “JUFRA 40 anos: semeando um mundo novo”.

Queremos convidar todos os irmãos jufristas a fim de, mais uma vez, nos encontramos com alegria e paz no ENCONJUFRA (que será realizado em nossa cidade),


Informações Importantes:

Taxa de inscrição: R$ 15,00 por Jufrista.

Local: Escola Estadual Professor Otto de Brito Guerra (CAIC)

Para maior comodidade dos jufristas, sugerimos que tragam seus pertences pessoais, tais como: material de higiene, roupa de cama e banho e colchonete.


OBS: Pedimos que os participantes tragam roupa estilo havaiana, porque haverá uma festa havaiana para a noite. Também lembramos que tragam as tradicionais lembranças.

Contatos:

Telefones: Maria Helena (84) 94132425 (Sub-Secretaria de Comunicação), Elizoete (84) 94126445 (Sub-Secretaria de DHJUPIC).
E-mail da JUFRA de Ceará Mirim-RN: mensageirosdepazebem@yahoo.com.br


Elizoete Cruz

Sub-Secretária de DHJUPIC

terça-feira, março 29, 2011

sábado, março 26, 2011

Hora do Planeta 2011

A Hora do Planeta é uma iniciativa da rede WWF que incentiva cidadãos, empresas e governos a apagarem as luzes por uma hora mostrando assim o seu apoio à luta contra as alterações climáticas.

Porquê apagar as luzes?

Antes de mais há que ter consciência que este apagar de luzes por uma hora é meramente um gesto simbólico, mas que pode ser representativo de um elevar da consciência de todos para um problema que é, igualmente, de todos: as alterações climáticas.

A verdade é que este simples gesto, tem despertado em todo o mundo compromissos capazes de ir marcando a diferença numa base diária contínua e tem levado a uma verdadeira mudança de hábitos de vida de cidadãos, empresas e governos que começam a despertar para compromissos válidos e práticos a favor desta luta.

Assim, apagar as luzes:

  • É mostrar que estamos preocupados com o aquecimento do planeta e queremos dar nossa contribuição, influenciando e pedindo acções de redução das emissões e de adaptação às mudanças climáticas, combatendo a desflorestação e conservando os nossos ecossistemas;
  • É um incentivo ao diálogo dos manifestantes entre si e entre esses e os governos e empresas;
  • É um acto que simboliza a eficiência e o uso de todos os recursos com inteligência, responsabilidade e de forma sustentável.


HORA DO PLANETA 2011
Sábado, 26 de Março das 20h30min ás 21h30min

Apague as luzes e ilumine esta ideia por um Planeta Vivo.
Vá além desta hora na luta contra as alterações climáticas!

Fonte:http://www.wwf.pt/

terça-feira, março 22, 2011

22 de março - Dia Mundial da água, e daí?

Seca na AmazoniaPoupe água, economize água, proteja a água, salve a água, beba água, água, água, água… Ouvimos tantas frases sobre a água, que a palavra acaba perdendo o sentido em nossas mentes. Mas já é hora de “cair a ficha”.

Foto: Barreirinha (Amazonas), outubro de 2005 - ©Greenpeace/Daniel Beltrá

Você sabe de onde vem a água?

Toda água do planeta se mantém em constante movimento, passando do estado gasoso - proveniente da evaporação de todas as superfícies úmidas - mares, rios e lagos, pelo estado líquido - nos oceanos (água salgada), rios e lagos (água doce) e no subsolo, constituindo os chamados lençóis freáticos e pelo estado sólido - nas regiões frias do planeta, nos pólos.

É o chamado ciclo hidrológico que sustenta(va) a vida na Terra.

Até 25% da água que cai como chuva pode ser interceptada pelas copas das árvores. O restante escoa pela superfície do solo ou se infiltra nele. Cerca de 1% da água que cai é retida para a formação de matéria orgânica que constitui os seres vivos (constitui Vida). O restante atinge os mares, caindo diretamente neles ou a eles chegando através dos rios.

Nossas interferências quebram esse ciclo natural da água. A impermeabilidade do solo nas áreas urbanas, falta de cobertura vegetal e poluição…

Segundo o IBGE, 97% da água do planeta são água do mar, imprópria para consumo ou para processos industriais; 1,75% é gelo; 1,24% está em rios subterrâneos, escondidos no interior do planeta. Para o consumo de mais de seis bilhões de pessoas está disponível apenas 0,007% do total de água da Terra.

Desses 0,007% de água boa para consumo, são usados:

  • 70% para Agropecuária - Quase que a totalidade deste montante é utilizado para irrigação. Adicionalmente, é utilizada para tratamento de animais, lavagem de instalações, máquinas e utensílios, entre outros.
  • 22% para Indústria - Como matéria-prima, na produção de alimentos e produtos farmacêuticos, gelo e em atividades industriais onde a água é utilizada para refrigeração, como na metalurgia, para lavagem nas áreas de produção de papel, tecido, em abatedouros e matadouros, etc e em atividades em que é utilizada para fabricação de vapor, como na caldeiraria, entre outros.
  • 8% para Residências - Subdivididas em uso doméstico (como fonte de vida, bebida, no preparo de alimentos, higiene pessoal, limpeza na habitação, irrigação de jardins e pequenas hortas particulares, criação de animais domésticos, entre outros) e público (moradias, escolas, hospitais e demais estabelecimentos públicos, irrigação de parques e jardins, limpeza de ruas e logradouros, paisagismo, combate a incêndios, navegação, etc).

E não sei iluda, a escassez de água não é resultado de problemas temporários de distribuição.

Tá entendendo agora porque é necessário usar a água com responsabilidade?

Precisamos da água para viver, e essa não é uma frase poética. É matemática pura. Todas as partes do nosso corpo têm água.

  • Cérebro = 75%
  • Pulmões = 86%
  • Fígado = 86%
  • Músculos = 75%
  • Coração = 75%
  • Rins = 83%
  • Sangue = 81%

O homem é capaz de sobreviver até 28 dias sem comer, mas apenas 3 dias sem beber água. Entende agora o significado de “Água é Vida”?

De acordo com a ONU, desde 1950 uso da água triplicou. Estima-se que nos próximos 20 anos o homem vai usar 40% a mais de água do que usa agora.

Imagine só como ficarão as pessoas que já carecem de água, como cerca de 200 milhões de pessoas na África, que hoje já sofrem (e morrem) com a escassez de água.

Imagine ainda que falamos em um futuro próximo. Quantos anos você tem hoje? Faça as contas, daqui a 20 anos, você, seus filhos e seus netos… e a falta d’água.

Não importa quem somos, onde estamos e o que fazemos, todos nós dependemos da água.

Então, pra reforçar, transcrevo aqui aquelas velhas dicas de como poupar água com ações simples no dia a dia:

No Banheiro

  • Feche a torneira enquanto escova os dentes ou faz a barba. Uma torneira aberta pode consumir, por minuto, até 2,4 litros (numa casa) ou 16 litros (num apartamento).
  • Tome banhos rápidos. A cada minuto no banho você gasta de 3 a 9 litros.
  • Regule as válvulas de descarga.
  • As convencionais usam cerca de 40% de toda a água de uma casa ou escola.
  • Cada segundo que uma pessoa permanece com o dedo na descarga são 10 litros de água desperdiçados.

Na cozinha

  • Limpe bem os pratos e panelas e jogue os restos de comida no lixo.
  • Deixe a louça na água para facilitar a lavagem.
  • Feche a torneira enquanto ensaboa e volte a abri-la apenas para enxaguar.
  • Ligue a máquina de lavar louça apenas quando estiver completa.

Na lavanderia

  • Utilize a lavadora de roupa só quando ela estiver cheia.
  • Reaproveite a água de chuva ou da máquina para lavar o chão da cozinha, área de serviço e quintal.

Nas áreas externas

  • Varra as calçadas para retirar o lixo e use balde em vez de mangueiras.
  • Molhe as plantas com regador quando o sol estiver mais fraco.
  • Lave o carro utilizando o balde.
  • Prefira ter jardins a áreas cimentadas, favorecendo a infiltração da água no solo.

Manutenção

  • Elimine vazamentos.
  • Troque ou conserte torneiras pingando.
  • Faça o teste do relógio de água. Se os ponteiros continuarem rodando sem consumo, é sinal de vazamento.

Use do dia 22 de março - o dia Mundial da água - como um marco. Comece a fazer a diferença, adaptando-se a essa realidade.

Fonte:www.vidadeviajante.com.br

quarta-feira, março 09, 2011

Campanha da Fraternidade 2011

Nesta quarta feira de Cinzas (09/03), terá inicio a Campanha da Fraternidade e que se estenderá por toda a Quaresma. O tema da Campanha é “Fraternidade e a vida no Planeta, e tem como lema “A criação geme em dores de parto”. O objetivo da campanha é contribuir para a conscientização das comunidades cristãs e pessoas de boa vontade sobre a degradação do meio ambiente que se dá em um ritmo acelerado, em decorrência da sua apropriação errada e desmedida pelo homem, a fim de satisfazer suas necessidades imediatas. As consequências destas ações são as catástrofes ambientais que estamos vendo e vivenciando nos últimos anos, a exemplo das enchentes, mudanças climáticas e o aquecimento global.




Preservar o meio ambiente é um dever de todos nós cristãos e franciscanos. São Francisco de Assis percebeu o Criador em todas as criaturas, louvava e as contemplava de maneira sublime e humilde, como mostra essa passagem: “Que alegria ele sentia diante das flores, vendo sua beleza e sentindo seu perfume! Passava imediatamente a pensar na beleza daquela flor que brotou da raiz de Jessé no tempo esplendoroso da primavera e com seu perfume ressuscitou milhares de mortos. Quando encontrava muitas flores juntas, pregava para elas e as convidava a louvar o Senhor como se fossem racionais. Da mesma maneira, convidava com muita simplicidade os trigais e as vinhas, as pedras, os bosques e tudo que há de bonito nos campos, as nascentes e tudo que há de verde nos jardins, a terra e o fogo, o ar e o vento, para que tivessem muito amor e fossem generosamente prestativos. Afinal, chamava todas as criaturas de Irmãs, e de uma maneira especial, por ninguém experimentada, descobria os segredos do coração das criaturas, porque na verdade parecia já estar gozando a liberdade gloriosa dos filhos de Deus”. (1 Cel 29,81)




Pois bem amados irmãos e irmãs, como seguidores do ideal Franciscano, chegou o momento de mostrarmos ao mundo o amor enorme que São Francisco tinha pelas criaturas e elementos, amor tão grande que não cessava em glorificar e bendizer o Criador por meio de todas as criaturas. Que possamos neste período de Quaresma e durante todo o ano refletirmos sobre os males que o nosso planeta está enfrentando, mas que essa reflexão nos faça ir além, nos leve a gestos concretos em busca de um novo olhar sobre a natureza e sobre todas as formas de vida que nela existe. Que possamos ser exemplos de amor e respeito para com todas as criaturas, buscando participar ativamente dos encontros, debates, seminários, mobilizações e entidades que lutam em defesa da vida.


Wanessa da Silva Candido dos Santos
Sub Regional de DHJUPIC
Regional NEA3 PB/RN

segunda-feira, março 07, 2011

06 de março - Dia de Santa Rosa de Viterbo e Dia Nacional do Jufrista

Oração à Santa Rosa de Viterbo

Deus, nosso Pai, à medida que nos transcorrem os séculos, vemos com mais clareza a vossa ação no mundo. Na verdade, vós sou um Deus fiel e agis com força e poder dentro da história dos homens, abalados por tantas contradições. Mas vós conduzis vosso povo através dos tempos. Moveis os corações dos homens para que encontrem a paz. E suscitais, segundo as necessidades de cada época, pessoas capazes de ler as entranhas dos tempos, pessoas fortalecidas com as vossas promessas antigas, mas sempre novas. Por isso, Senhor, hoje nós vos suplicamos humildemente; a exemplo de Santa Rosa, façamos de nossa vida um tempo de conversão, de fidelidade a Deus e de amor à paz.


Dia Nacional do Jufrista

Os franciscanos têm muita coisa a dizer aos homens do nosso tempo, sobretudo à nossa sociedade industrial, marcada pelo consumo, que pouco considera os sofrimentos de milhões de seres famintos no mundo inteiro. Há muitos que tramam guerras em vez de promover a paz, que destroem o meio ambiente em vez de proteger a natureza, louvadasolenemente por Francisco no seu cântico. De preferência, é da alçada de vocês, franciscanos, responder as pessoas a respeito dos problemas modernos, de educá-las para que contemplem as coisas de maneira correta, para que possam assim desenvolver uma consciência pura e uma orientação interior equilibrada diante do nosso mundo. Ressuscitando os verdadeiros valores cristãos, vocês podem dar uma grande contribuição para a paz e o progresso da humanidade. Como filhos do Santo da pobreza evangélica, do pacificador, do amigo da natureza, vocês são os melhores intérpretes da mensagem que Francisco dirigiu aos homens do seu tempo; uma mensagem que até hoje não perdeu nada de sua validade e que, com sua força é capaz de renovar a sociedade, sempre de novo.
Mensagem do Papa João Paulo II, ao Capítulo Geral dos Frades Menores Conventuais, em 28/05/1989.

quarta-feira, fevereiro 09, 2011

JUFRA BEACH - 05 e 06 de Fevereiro

Nos dias 05 e 06 de Fevereiro, a Fraternidade Espírito Santo realizou na Praia de Morro Pintado a Jufra Beach, visando reunir toda a os irmãos, em clima de férias, para uma maior vivência em fraternidade e para a contemplação da natureza. Neste encontro também tivemos e agradecemos a presença da Fraternidade Irmão sol e Irmã Lua.



O encontro teve início no sábado a tarde. E durante a noite, realizamos uma bela celebração a beira-mar e compartilhamos o evangelho de Mateus 5, 13-16, que nos convoca a sermos luz para o mundo e sal para a terra. Logo em seguida tivemos um belo lual. No Domingo, alguns irmãos tiveram o grande prazer de fazer uma caminhada pela praia e contemplar o nascer do Sol (O Sol nasceu é um novo dia, bendito sejas Deus, quanta alegria). No decorrer deste dia, a juventude compartilhou diversos momentos, como jogar futebol na praia, tomar banho de mar entre outras coisas. Para finaliza tivemos um belo almoço, e uma tarde livre para contemplar a natureza e se aproximar do irmão, onde louvamos e agradecemos ao Senhor.

sexta-feira, janeiro 28, 2011

Ajuda aos Irmãos

SOS SUDESTE

A JUFRA- Juventude Franciscana, da Capela de São Pedro, se engaja na campanha SOS SUDESTE. Campanha lançada pela CNBB e CÁRITAS BRASILEIRA, que visa mobilizar ajuda para a população afetada pelas fortes chuvas. As doações podem ser depositadas nas seguintes contas:


CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
AGÊNCIA: 1041
OPERAÇÃO: 003
CONTA: 1490-8


BANCO DO BRASIL
AGÊNCIA: 3475-4
CONTA: 32.0000-5


PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESÓPOLIS – CNPJ: 29.138.396/0001-47
BANCO DO BRASIL (SOS TERESÓPOLIS)
AGÊNCIA: 0741-2
CONTA: 110000-9


CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (SOS TERESÓPOLIS)
AGÊNCIA: 4146
CONTA: 2011-1


A JUFRA ESTARÁ DURANTE TODO DIA 30/01/2011, NA CAPELA DE SÃO PEDRO (ABOLIÇÃO IV), RECEBENDO DONATIVOS (MATERIAL DE HIGIENE, DE LIMPESA ) PARA SEREM ENVIADOS PARA AS VÍTIMAS DAS CHUVAS NA REGIÃO SUDESTE.


“Religião pura e sem mancha diante de Deus, é esta: Socorrer os órfão e viúvas em aflição (...)” (Thiago 1,27)

terça-feira, janeiro 25, 2011



























Dom Dimas Lara Barbosa, Secretário Geral da CNBB, apresentou o tema da Campanha, “Fraternidade e a vida no planeta” e o lema “A criação geme como em dores de parto”. “A Campanha da Fraternidade deste ano (2011) reflete a questão ecológica, com foco, sobretudo, no problema das mudanças climáticas. Ela se coloca em sintonia com uma cultura que está se expandindo cada vez mais, em todo o mundo, de respeito pelo meio ambiente e do lugar em que Deus nos coloca, não só para vivermos e convivermos, mas também para fazer deste o paraíso com o qual tanto sonhamos”, disse dom Dimas.

Questionado se a escolha do lema “A criação geme como em dores de parto” foi feita em virtude das discussões acerca do aborto que ocorre neste período eleitoral, o presidente da CNBB, Dom Geraldo Lyrio Rocha, Arcebispo de Mariana, disse que não e explicou o processo de definição dos temas da Campanha da Fraternidade.

“Essa escolha (do tema da Campanha da fraternidade 2011) não se fez agora, no contexto das discussões do momento atual. A escolha do tema de 2012, inclusive, já foi definida. Esse processo acontece com dois anos de antecedência”, disse. “O tema Fraternidade e vida no planeta inclui a questão do aborto, mas não se esgota nisso”, acrescentou.

O secretário Executivo da Campanha da Fraternidade, padre Luiz Carlos Dias, presenteou aos jornalistas um texto-base da Campanha, documento que aprofundada o tema proposto. “O objetivo da campanha é de contribuir para a conscientização das comunidades cristãs e pessoas de boa vontade sobre a gravidade do aquecimento global e das mudanças climáticas, e motivá-las a participarem dos debates e ações que visam enfrentar o problema e preservar as condições de vida no planeta”, declarou o padre.

A Campanha da Fraternidade terá início na Quarta-feira de Cinzas, 9 de março de 2011, e se estende por toda a Quaresma. A partir deste mês de outubro, as lideranças das comunidades eclesiais estudam os materiais preparando-se para a realização da Campanha na Quaresma.

(Divulgação: www.cnbb.org. br).